[RESENHA] Lembra Aquela Vez – Adam Silvera

0

Imagina que você pudesse esquecer alguma parte ruim do seu passado, ou mesmo mudar quem você é no presente. Você aceitaria?

Lembra Aquela Vez, romance de estreia do autor Adam Silvera, explora a mente de um adolescente confuso que busca se entender enquanto lida com um passado obscuro. Aaron Soto é um jovem de 16 anos, morador do Bronx (Nova York), que está tentando lidar com o fato de o pai ter se suicidado, e de também ter tentado, sem sucesso, repetir o feito. Sua mãe e sua namorada, a doce Genevive, são seus pilares, que o apoiam e dão conforto durante seus dias.

Ainda que ele tente viver sua vida o mais normalmente possível, seja brincando com seus amigos pelo bairro ou passando um tempo com sua namorada, o passado ainda assombra Aaron. Ele então começa a pensar na possibilidade de passar por um procedimento do Leteo, um instituto que promete remover todas as memórias que a pessoa deseja esquecer, e nesse contexto, ele conhece Thomas, que começa a trazer à tona um Aaron diferente, e que o faz questionar seus sentimentos e quem ele é de verdade. Quando um grupo de amigos percebe isso, decidem ensinar uma lição bastante agressiva para Aaron, que desencadeia lembranças de um passado que ele decidiu esquecer.

Adam Silvera consegue criar um universo interessante em seu romance de estreia, mostrando ser um nome que veio para ficar na literatura jovem. Por provavelmente ter vivido muitos dos dilemas morais e pessoais do protagonista, o autor consegue criar uma história verossímil e de fácil identificação com o público alvo.

O livro tem algumas reviravoltas, que farão o leitor querer correr pelas páginas o mais rápido possível. Esse é o tipo de livro que você vai terminar sem nem mesmo perceber, e quando terminar vai ficar pensando nele por um período de tempo.

Recomendo que todos leiam esse livro sem muito expectativa, é uma leitura simples, mas que traz alguns ensinamentos importantes e que fará seu coração bater mais rápido em certos momentos.

Editora: Rocco
Ano de Publicação: 2017
Número de Páginas: 336

Sinopse: Finalista na categoria romance juvenil do Prêmio Lambda, o mais tradicional do segmento de literatura LGBT do mundo, e celebrado por veículos como The New York Times (“lindo romance de estreia”) e Chicago Tribune (“comovente”), entre outros, Lembra aquela vez conta a história de um garoto do Bronx (re)descobrindo sua sexualidade. Aos 16 anos, Aaron carrega no pulso uma cicatriz que registra a dor pelo suicídio do pai, mas, com o apoio da mãe e da namorada, Genevieve, está determinado a seguir em frente. Quando a garota viaja para um acampamento, porém, Aaron se aproxima de Thomas, e acaba encontrando nele mais do que um melhor amigo. Confuso, Aaron considera recorrer ao LETEO, um instituto que realiza procedimentos científicos para apagar memórias indesejáveis, na tentativa de esquecer lembranças ruins e, principalmente, quem ele é. Mas será possível encontrar a felicidade fugindo de si mesmo? Com uma narrativa pungente e sincera, Adam Silvera fala sobre bullying, homofobia, medo, incertezas, ética, amizade, amor, aceitação e a procura pela felicidade.

CRÍTICA
Lembra Aquela Vez
COMPARTILHE
Apaixonado por cinema, seriados e literatura. Quando criança queria ser astronauta, e hoje vive no mundo da lua.